DECOR

Tem imóvel parado? 4 dicas para alugar já!

Essa é para você que tem um imóvel parado e não sabe se é melhor alugar ou vender. Carla Rangel Larangeira, da Meta Consultoria Imobiliária, em Macaé, esclarece algumas dúvidas

post_devolucao_imovel-825x510

Macaé é uma cidade onde vivem majoritariamente da indústria de petróleo e isso influencia diretamente no mercado imobiliário. “O valor do barril está em um período de oscilação e a estabilidade ainda vai demorar um pouco para acontecer. É preciso respirar até meados do ano que vem”, explica a corretora de imóveis Carla Rangel Larangeira.

Alugar ou vender, eis a questão

Carla responde: Se não há urgência pelo dinheiro ou se não vai começar um novo projeto de vida, colocar para locação por preço abaixo do esperado é melhor do que vendê-lo com um desconto muito grande. O mercado atual está para o comprador. Do mesmo jeito que você está vendendo mais barato, você pode comprar uma oportunidade, dando um upgrade no seu imóvel. Mas se você é investidor e quer manter seu imóvel, o indicado é acompanhar o mercado e locar, para respirar em 2018. É a melhor opção para não ter que arcar com o condomínio, IPTU e taxas. Se depois de um ano o mercado melhorar, você aumenta o preço novamente. Mas deixar o imóvel vazio é um custo muito alto, sem falar na deteriorização do imóvel.

foto carlaPara te ajudar nessa missão, Carla dá 4 dicas essenciais:

1. Trabalhe com um profissional especializado
Um corretor sabe procurar a melhor oportunidade no caso de compra, avaliar as propostas e o mercado atual. Em caso de locação vai saber conduzir o contrato de maneira que você fique seguro quanto a saúde financeira de seu futuro inquilino.
 
2. Escolha uma ou duas imobiliárias de sua confiança e coloque apenas duas placas
Isso vai te dar maior controle dos valores praticados. “Os futuros inquilinos e compradores vão querer negociar e quanto maior o número de propostas, mais o valor do seu imóvel pode cair. E lembre-se: as imobiliárias fazem parcerias entre si. Escolhendo duas não significa que irá excluir as outras, apenas te dará maior controle”, explica Carla
 
3. Divulgação digital
Atualmente os interessados em imóveis pesquisam pela internet. Assegure-se de que a imobiliária que escolheu tenha uma boa divulgação digital: site próprio e bem articulado. Anúncios em portais como Zap imóveis, Vivareal e Mercado Livre são os mais procurados pelos futuros inquilinos e compradores.
 
4. Manter seu imóvel sempre em boas condições
Isso ajuda na apresentação do corretor aos clientes. A primeira impressão é a que fica!
Captura de Tela 2018-05-24 às 10.53.05
assinatura carla